Alternativa 104

Candiba Bahia
0:14
  • cover
    Alternativa 104

Macapá tem 5,4% de fumantes ativos; saiba onde buscar tratamento gratuito | Amapá

 Macapá tem 5,4% de fumantes ativos; saiba onde buscar tratamento gratuito | Amapá


O Dia Mundial Sem Tabaco, lembrado em 31 de maio, mobiliza uma campanha de controle ao tabagismo que oferta o serviço de forma gratuita em 6 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) de Macapá. O tratamento tem duração de 1 ano e vai ser feito com apoio multiprofissional.

Dados da pesquisa Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), do Ministério da Saúde, mostram que Macapá tem entre os adultos 5,4% de fumantes ativos e 8% de fumantes passivos.

O objetivo das ações da prefeitura da capital é a redução do percentual fumantes. De acordo com a diretora do Departamento Municipal de Equidade no Cuidado, Tatiane Flexa, a maioria dos pacientes possui vontade de largar o hábito, mas não consegue por conta própria.

“O tabagismo é uma doença crônica, causada pela dependência da nicotina, provocando sequelas na saúde do indivíduo, porém tem tratamento, que é ofertado pela rede municipal de saúde”, explicou Flexa.

UBS Marabaixo é uma das unidades que vai ofertar o serviço — Foto: Laura Machado/g1

O paciente cadastrado vai ser atendido nas UBSs por nutricionistas, psicólogos, enfermeiros, médicos, odontólogos e educadores físicos.

  • Carteira de Identidade (RG)
  • CPF
  • Cartão do SUS

Quem pode procurar o serviço?

Os pacientes que buscam pelo serviço podem se direcionar a uma das 6 UBSs que disponibilizam o atendimento multiprofissional: Novo Horizonte, Marabaixo, Perpétuo Socorro, Rubim Aronovitch (Santa Inês), Pedrinhas e Marcelo Cândia (Jardim Felicidade).

O protocolo utilizado inclui medicação e terapias (individual e em grupo) para auxiliar no controle da ansiedade e também para evitar o contato dos pacientes com o cigarro.

Cigarro potencializa o envelhecimento precoce e causa doenças respiratórias — Foto: Ralf Kunze/Pixabay

O uso da nicotina pode desencadear diversos problemas de saúde e agravar condições preexistentes como câncer, hipertensão e doenças respiratórias.

Além disso, fumantes ativos possuem 10 vezes mais riscos de desenvolverem câncer no pulmão e 5 vezes mais predisposição a infartos.

VÍDEOS com as notícias do Amapá:



Fonte G1

AllEscortAllEscort