Alternativa 104

Candiba Bahia
0:14
  • cover
    Alternativa 104

Você identifica o segundo “tigre escondido” nesta ilusão de ótica? Apenas 1% conseguiu

 Você identifica o segundo “tigre escondido” nesta ilusão de ótica? Apenas 1% conseguiu


De acordo com especialistas, as ilusões de ótica podem ser algo de entretenimento e bastante divertidas, mas têm valor real para os cientistas


Jornal Ciência no
seu WhatsApp




Clique aqui (61) 98302-6534
,
mande “olá” e salve nosso número nos seus contatos. Você receberá
notícias do Jornal Ciência diretamente no seu celular.

Desafios mentais como este ajudam os pesquisadores a esclarecer como funciona a nossa mente e como nosso cérebro reage ao ambiente quando pressionado.

Em 2017, os cientistas Kim Ransley e Alex O. Holcombe, da Universidade de Sydney, destacaram a importância das ilusões para nossa compreensão do cérebro.

“As ilusões visuais nos mostram que não temos acesso direto à realidade. Elas também podem fornecer uma ideia do processamento mental que proporciona nossa experiência do mundo visível”, escreveu a dupla ao The Conversation.

Eles prosseguem: “Na verdade, é o processamento acontecendo dentro de nossos cérebros que é a base para muitas ilusões. Em vez de fornecer informações aos nossos olhos de forma quase bruta, como uma câmera faria, o cérebro tenta determinar o que realmente está lá fora”, salientaram.

Mas, voltando ao tigre. Olhe atentamente para a imagem abaixo. Você consegue ver o segundo “tigre escondido”? Se você conseguir ver, saiba que faz parte do seleto grupo de 1% apenas que consegue ver e entender a ilusão.

Esta ilusão de ótica do “tigre escondido” no meio da selva é mais difícil do que parece. Isso porque a obra artística contém não um, mas dois grandes felinos, sendo um óbvio e o outro dificílimo de encontrar/entender — embora quando você souber, também achará óbvio. Não entendeu? Observe novamente a imagem, atentamente!

Esta ilusão de ótica existe há anos na internet, circula constantemente no Reddit, e mesmo assim faz milhões de pessoas não conseguirem encontrar o segundo tigre. Em vários países, ele é famoso em aplicativos de troca de mensagens. O cérebro faz as pessoas assumirem, instantaneamente, que o segundo “tigre escondido” está em alguma parte escura dos arbustos ou nas sombras.

Aqui vai uma dica: quem quer encontrá-lo, deve prestar atenção ao próprio tigre ao centro e esquecer o cenário. Observe novamente a imagem, atentamente!

Se você é um bom observador, percebeu que durante todo o texto nós estamos dando a dica, incluindo o título. A frase “tigre escondido” está entre aspas, ou seja, é como se fosse um tigre, mas não necessariamente um tigre em forma de imagem.

Sendo assim, o “segundo tigre” está na forma de escrita, em texto, com a frase: “the hidden tiger” (o tigre escondido), em inglês. Mas, onde? A frase está compondo todas as listras escuras do tigre. Ou seja, o segundo “tigre oculto” é tão óbvio quanto o primeiro, mas não da forma como seu cérebro queria que fosse. Em diversas línguas que a ilusão foi aplicada, o resultado é o mesmo.

O cérebro tende a procurar algo escondido que está a espreita, mas não algo completamente “na cara” (mesmo se estivesse escrito em português). O enigma é considerado extremamente difícil e apenas 1% consegue entender, observar as aspas ao longo de todo o texto e supor que pode ser um texto, uma palavra ou frase, e não uma imagem.

Fonte(s): The Sun / The Conversation Imagens: Reprodução / The Sun





Fonte: R7

AllEscortAllEscort